Mudanças na alimentação podem melhorar os gases na gravidez?

0

Durante a gravidez, os hábitos alimentares devem ser revisados a fim de melhorar os gases na gravidez além de evitar desconfortos causados pelos enjoos, contribuindo para uma gestação mais saudável para mãe e bebê.

As alterações hormonais são as principais responsáveis no aumento dos gases, dado que por conta do relaxamento dos tecidos do corpo, os movimentos do intestino são reduzidos, aumentando o volume dos gases durante a gravidez.

Os principais sintomas são o inchaço na região da barriga, as cólicas intestinais, prisão de ventre, aumento de flatulências, e dor intensa no abdômen que podem ocasionar pontadas no peito, gerando intenso desconforto.

Mas como escolher os alimentos durante esse período para melhorar os gases durante a gravidez e diminuindo o desconforto causado por eles? Continue a leitura para saber mais.

O que evitar para melhorar os gases na gravidez?

Para melhorar os gases na gravidez é recomendado não falar enquanto está mastigando, evitar o uso de roupas muito ajustadas, bebidas com gás, mascar chicletes não são recomendados durante a gestação.

O que evitar para melhorar os gases na gravidez
Fonte/Reprodução: original

Os alimentos gordurosos também devem ser evitados, além de ovos, brócolis, milho, cebolas, feijão e ervilhas pois eles potencializam o acúmulo de gases na gestante fazendo com que ela tenha desconfortos.

Alimentação para melhorar os gases na gravidez

Durante a gestação, alguns alimentos são recomendados para melhorar os gases na gravidez além de algumas práticas que podem contribuir para diminuição desse desconforto.

Entre os hábitos é ideal que todos os alimentos sejam bem mastigados e que se coma devagar, o consumo de água também deve ser aumentado sendo ideal ingerir por dia cerca de 2,5 litros. Realizar caminhadas e exercícios físicos também contribuem para que os gases durante o período gestacional sejam constantes.

Entre os alimentos, dê preferência por alimentos que contenham fibras em sua composição como frutas, legumes e verduras. Alimentos como pães integrais e cereais também são recomendados e podem fazer parte de sua dieta. Se alimentar mais em pequenas quantidades durante o dia também podem ser aliadas no combate aos gases durante o período de gravidez.

Remédios caseiros que ajudam a melhorar os gases na gravidez

Mais do que evitar os alimentos que podem aumentar os gases durante a gestação, alguns remédios caseiros podem melhorar os gases na gravidez. São receitas básicas que não possuem nenhuma contra indicação e que podem ser ingeridas para aliviar os efeitos do desconforto causado pelos gases.

Vale lembrar que alguns medicamentos também podem ajudar a melhorar os gases na gravidez, mas é importante consultar seu médico antes de começar a tomá-los para evitar riscos à sua saúde e a do bebê.

Remédios caseiros que ajudam a melhorar os gases na gravidez
Fonte/Reprodução: original

Entre os remédios caseiros, estão a ameixa seca que possui fibra em sua composição e pode ser usada no tratamento dos gases, diminuindo a prisão de ventre e a flatulência. Colocar 3 ameixas em um copo com água e após 12 horas ingerir o líquido ou comer 1 ameixa seca antes das refeições já ajuda a combater os gases.

Outra receita eficiente para melhorar os gases na gravidez é o chá de hortelã-pimenta, visto que as propriedades desse chá ajudam a aliviar as dores e desconfortos. Para preparar, basta colocar as folhas em uma chaleira com água fervendo aguardar 10 minutos e tomar o chá de 2 a 3 vezes por dia após realizar suas refeições.

Manter uma alimentação saudável durante a gestação evitando consumir alimentos que potencializam a formação de gases é ideal para as gestantes, prevenindo desconfortos e incômodos durante a gravidez.

Deixe uma resposta